Colegiado Gestor do Hospital Ronaldo Gazolla comemora um ano

Em clima de festa, moradores da comunidade de Acari, na zona Norte do Rio, participaram da comemoração do primeiro ano do Colegiado Gestor do Hospital Municipal Ronaldo Gazolla. A ferramenta de gestão participativa reúne usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), lideranças comunitárias, cidadãos comuns, gestores e funcionários da unidade em conversas para apresentar propostas e melhorias que promovam a saúde e o bem estar social.

IMG_0811 IMG_0703

O hospital é gerido pelo Viva Rio, em parceria com a Prefeitura do Rio de Janeiro, desde dezembro de 2015. A partir das reuniões do colegiado, muitas propostas foram construídas, como por exemplo, os mutirões contra o Aedes Aegypti e a horta comunitária. O local serve como espaço de troca de experiências e interação entre a unidade de saúde e a população em seu entorno. Um dos articuladores sociais do Viva Rio, Jocelino Porto, distribuiu mudas de hortaliças e temperos para os participantes. Uma das presenteadas, Marlene de Lima, acredita que o colegiado tem um valor imensurável para a população. “Agora os moradores de Acari têm um espaço para ser ouvido e ter voz para falar. Nós conseguimos construir a cidadania junto com o hospital”, comentou. A aposentada também é voluntária do projeto Nosso Espaço, um dos programas da Prefeitura voltados para a terceira idade.

IMG_0855

Jocelino e Marlene

A parceria com a Clínica da Família Marcos Valadão também traz bons resultados para os funcionários e para a população. O Agente Comunitário de Saúde, Messias Vital, reconhece que a cooperação entre as duas unidades de saúde possibilita a mudança em diversos setores. “A integração entre os gestores das unidades facilitou os processos de trabalho. Hoje, nós caminhamos juntos em busca da construção da saúde para esses moradores”, festejou.

IMG_0858

Os Agentes Comunitários de Saúde do CF Marcos Valadão

Desde que o Viva Rio assumiu a gestão do Gazolla, Samanta de Oliveira passou a participar das reuniões do Colegiado Gestor. Em 2014, ela perdeu a sobrinha Juliana e o filho dela na Maternidade Mariana Crioula, localizada no hospital. Do luto à luta, Samanta criou a Mães do Hospital de Acari uma página de denúncia, reuniu outras mães e avós vítimas de negligência, procurou a imprensa e teve papel fundamental na investigação que levou ao afastamento da empresa que administrava a unidade anteriormente. Hoje, ela acompanha a mudança na maternidade e a página de denúncia também virou página de celebração. Posts com fotos de mães e bebês felizes passaram a ser frequentes.

IMG_0832

Daiana, articuladora de Redes do Viva Rio, e Samanta Delabary, criadora da página Mães do Hospital de Acari

 

Favela Hub recebe lançamento de livro sobre empreendedorismo em comunidades

O Favela Hub, polo de inovação social do Viva Rio no Cantagalo/Pavão-Pavãozinho, recebeu hoje o autor gaúcho Vinícius Lima para o lançamento do seu livro “A Riqueza das Favelas: empreendedorismo entre morros e vielas”. O evento contou com um bate-papo entre o autor; o presidente da CUFA – Central Única de Favelas, Preto Zezé; e o presidente da associação de moradores da Rocinha, Xaolin; com a participação dos moradores presentes.

Na conversa, Vinicius contou um pouco da sua trajetória no empreendedorismo, começando como vendedor de bala em uma comunidade de Porto Alegre aos 16 anos. “Empreendedorismo é atitude, o sonho é o princípio de tudo. Algumas vezes o morador da comunidade começa sem investimento, só abrindo uma janelinha pra vender produto feito em casa e depois isso vira um negócio que traz renda”, disse.

Preto Zezé falou sobre a cultura nas favelas e periferias de criar alternativas para a sobrevivência. “A crise é nossa parceira íntima, não é novidade na favela. Então existe todo um outro Brasil que passa batido da crise. A gente sempre teve que se virar”.

A partir de amanhã, Vinicius dará um curso de 18 horas no Favela Hub para ajudar os moradores com um sonho de abrir um negócio, ou para apoiar quem já tem a melhorar. Nas aulas, gratuitas, ele ensinará os participantes a montar site, uma marca e a cuidar das finanças em seu negócio, tudo de maneira prática.

IMG_2992

A moradora do Cantagalo Rosilene Guimarães compareceu ao evento e já se inscreveu para o curso com a intenção de a alavancar o movimento no salão de beleza que abriu há um mês na comunidade. “Eu me intrometi a abrir um salão e agora preciso saber ganhar dinheiro!”, disse. Ela levou seus clientes anteriores e já chegou a 60 clientes mensais, mas pretende aumentar esse número.

Viva Rio abre concurso para guarda-parques em todo o estado do Rio de Janeiro

Já imaginou trabalhar cercado por áreas verdes, vida selvagem e ar puro? Pois essa é sua chance! O Viva Rio está abrindo edital para contratação de Agentes de Defesa Ambiental – Guarda Parque de Campo e Guarda Parque – Coordenador para atuar em Unidades de Conservação da Natureza instituídas pelo Estado do Rio de Janeiro, sob a gestão do Instituto Estadual do Ambiente – INEA.

As atividades envolvem zelar pela vida selvagem, pelo ambiente e pelo patrimônio, garantir o cumprimento da legislação ambiental, prevenir e combater incêndios, cuidar da manutenção das trilhas e atrações turísticas, realizar ações de conscientização e contribuir para a segurança de visitantes e funcionários, entre outros aspectos da rotina das áreas de conservação.

As vagas são para ensino médio. Os candidatos passam por prova de aptidão física e entrevista e, se aprovados, recebem um curso de formação de cinco semanas.

Corra! As inscrições vão até 24 de abril!

LEIA O EDITAL

ANEXO 1 – tabela de pontuação

ANEXO 2 – lista de unidades

INSCREVA-SE

 

GERE AQUI O SEU BOLETO
* O boleto deve ser pago até às 11h do dia 27/04

 

*Nota explicativa 1: O campo de seleção do Tipo de Agente é preferencial, podendo o candidato vir a ser selecionado para ambos os cargos.

*Nota explicativa 2: Para todos os efeitos desse edital, “Guarda-Parque Líder” é o mesmo que “Guarda-Parque Coordenador”.

Convocação para entrevista – Edital ACS 01/2017

Confira a lista com data e horários dos convocados para a entrevista do Processo Seletivo para BANCO DE RESERVA de Agentes Comunitários de Saúde (ACS) edital 01/2017.
ATENÇÃO: NESTA ETAPA, O CANDIDATO DEVE APRESENTAR A SEGUINTE DOCUMENTAÇÃO (ORIGINAL E XEROX): RG; CPF; COMPROVANTE DE RESIDÊNCIA (NO NOME DO CANDIDATO) E COMPROVANTE DE ESCOLARIDADE (ENSINO MÉDIO COMPLETO) .

A NÃO APRESENTAÇÃO DE ALGUM DESSES DOCUMENTOS ACARRETARÁ A ELIMINAÇÃO DO CANDIDATO.

Confira a data e horário da sua entrevista:

A.P. 3.1.

CF Ministro Dr. Adib Jatene

CF Aloysio Augusto Novis

CMS Vila do João

CMS Samora Machel

A.P. 3.3.

CF Ana Maria

CF Carlos Nery

CMS Nascimento Gurgel

CF Mestre Molequinho do Império

A.P. 2.1.

CF Pavão Pavãozinho Cantagalo

CMS Rocha Maia

CMS Chapéu Mangueira Babilônia

Hemorio oferece vacina contra febre amarela para doadores de sangue

Os hospitais e centros de hemoterapia do Rio estão em alerta para o risco de uma crise de desabastecimento de bolsas de sangue nos próximos meses. A vacinação em massa contra febre amarela pode agravar a situação porque é preciso esperar um mês para doar sangue após ser imunizado.

Diante desse quadro, o Hemorio decidiu aplicar doses da vacina contra a febre amarela a quem se candidatar a doar sangue.  É uma ótima oportunidade para você se vacinar e ainda ajudar a manter os estoques de sangue em níveis seguros! Mas atenção, não será possível apenas para ser imunizado. O candidato à doação deve passar pela triagem e, mesmo que não esteja apto, recebe a vacina.

Para doar sangue você precisa: 

Ter mais de 18 anos 

Pesar mais de 50 kg 

Não ingerir bebida alcoólica por pelo menos 24 horas 

Não ter sido tatuado nos últimos 12 meses 

 

O hemocentro funciona todos os dias, das 7h às 18h, na Rua Frei Caneca, n° 8, Centro. Mais informações pelo telefone 0800 282-0708.

Fazer uma doação é rápido, não dói nada e pode salvar até três vidas!